[Projeto de Jogo/Livro] RedStone Knights

Mostre aqui seus Trabalhos em Photoshop, avatares, assinaturas, colagens, Fan Videos, Fan Games, Músicas, ou qualquer trabalho de sua autoria que não se encaixe nas categorias acima.

[Projeto de Jogo/Livro] RedStone Knights

Mensagempor AAPM97 » 05/08/2014 (Terça-feira), às 22h51min

Olá pessoas :D

Ok, espero não estar incomodando vocês, sei que entrei no fórum agora, mas não consigo tirar isso da cabeça. Vamos direto a assunto: Estou organizando uma equipe para criar um jogo (pera ae, pera ae, atenção! Leia por favor, não vá achando que eu tirei essa ideia do nada para falar que será tudo um fracasso e só entrei no fórum para isso. Eu me registrei no fórum por causa do tema:"Zelda", eu só achei este lugar uma oportunidade para poder divulgá-lo).
Vou dizer o que eu já tenho, tenho planos, alguns desenhos e a história (eu ainda estou escrevendo e corrigindo algumas coisas). Antes de escrever este tópico pesquisei muito (muito mesmo, tanto que achei uns 2 tópicos aqui sobre isso), e estive pensando nas possibilidades, e o que estou precisando é de dinheiro (pretendo conseguir com doações) e uma equipe (já estou montando mas ainda preciso de pessoas qualificadas).

O plano A é: Montar uma equipe para editar a história, fazer o roteiro, desenhar os personagens e o cenário (concept art) para poder apresentar a uma empresa que esteja disposta a desenvolvê-lo (mas isso requer também um grande investimento que pode ser adquirido por doações de pessoas que estejam interessadas em vê-lo pronto, requerendo também uma grande divulgação).

O plano B já é: Montar uma equipe de desenvolvimento de jogos completa, mas isso vai requerer profissionais ou pessoas experientes que queiram juntar-se a equipe ou que trabalhem apenas como freelancer (mas isso também requer um grande investimento, talvez até maior que o do plano A).

O plano C: Não é bem um plano, mas um ponto final se os planos anteriores não derem certo. Os 5°Livros serão publicados na internet, serão pagos e os lucros serão divididos entre a equipe (se houver). Se fizerem sucesso, serão publicados fisicamente e talvez seja possível retornar aos planos anteriores.

Agora sobre o jogo...

Não é apenas um jogo, mas uma saga de jogos (constituída por 5 livros, por enquanto, até eu cavar mais fundo da minha mente). Vou falar de toda a saga como um só jogo, depois eu explico individualmente.

O foco do jogo está na história, e na representação intensa das emoções dos personagens (criada a partir de efeitos visuais e sonoros, acompanhada de uma trilha sonora própria). O objetivo é fazer os jogadores, além de completarem os desafios diversos, sentirem o ambiente e a história do jogo através do personagem. Cada jogo terá um desafio distinto, mas que se liga a história até o 5° Livro (onde ainda não foi definido o desenrolamento da continuação). Para que isso tenha mais efeito seria melhor criar um fps realístico, mas não descarto a possibilidade de um 2D.
Toda a história até o 5° Livro se passa nas Terras de Soóron, composto por quatro províncias de biomas distintos: Green Village, High Stone, Glaciem Forest e Aura Coast (há certos fatos relacionados as quatro províncias de Soóron, mas é melhor não comentar sobre isso agora, melhor que descubram depois no jogo ou no livro). Também há alguns símbolos compondo a história (vou mostrar apenas um, mas sem comentar sobre ele ou dizer seu nome, ele será publicado no 5º Livro, vão ter que esperar muito para descobrir). O primeiro livro/jogo será: The Hole (O Buraco) que na maior parte do tempo se passará em uma antiga mina de carvão de Green Village.

A linha do tempo (baseada na Terra)...
1°Livro-The Hole (O Buraco) 1956 > 2°Livro-Blackout (Apagão) 1962 > 3°Livro-Fast Shot (Tiro Rápido) 2012 > 4°Livro-After Light (Depois da Luz) 2030 > 5° Livro-RedStone Knights (Os Cavaleiros da Pedra Vermelha) 2037 > Início da Era das Sombras...

Obs: Não é um conto de fadas (não haverá personagens como fadas, gnomos, zoras, hylians ou personagens do gênero)

Símbolo Principal

Imagem

Mapa das Terras de Soóron (A melhor representação que consegui fazer :palm: )
Imagem


Eu vim aqui apenas para pedir a vocês, uma ajuda na divulgação de meu projeto, achar pessoas qualificadas que queiram participar, e até mesmo dicas que vocês podem me dar para que eu possa melhor desenvolve-lo.

Obrigado a quem leu todo o texto (nem sei se eu teria coragem de ler tudo :| ).

Site: http://redcorp.com.br/
Página do Facebook: https://www.facebook.com/redstonecorp?ref=bookmarks
E-mail para contato: andreandradepm@gmail.com
Skype: aapm97
Editado pela última vez por AAPM97 em 30/11/2014 (Domingo), às 14h47min, em um total de 2 vezes.
AAPM97
Recruta
Recruta

Avatar do usuário

Offline
 
Mensagens: 7
Registrado em: 18/07/2014 (Sexta-feira), às 18h47min
Localização: Goiânia-GO
Cash on hand: -573.00 Rupees

Re: [Projeto de Jogo/Livro] RedStone Knights

Mensagempor CDX » 10/12/2014 (Quarta-feira), às 17h25min

Editando: FINALMENTE parei pra ler com calma. Meus comentários também vão ser longos. :=D:

1°, parabéns pelo projeto. Tá um puta primeiro passo: boas ideias, bem organizado, sabendo onde quer chegar e com noções muito bacanas de mapa e história. O lance dos cinco livros e o rascunho do mundo do jogo... porra, maneiro pra caralho! :go:

2°, quero demais participar dissaê, especialmente no roteiro e level design. Não sei o que tu chama de "qualificado". Não tenho curso de game design nem porra nenhuma, mas jogo desde os 4 anos de idade, já organizei um festival de Videogame, me considero um escritor decente (6 análises gamísticas no repertório e contando, inclusive a do Wind Waker que foi pro site) e este ano tou pesquisando game design, mecânicas e level design pra uma pesquisa na faculdade. Não faço programação nem nada, sou no máximo amador em HTML e estudo Licenciatura em Geografia, mas justo pela Geografia e pela pesquisa que tou fazendo (que é a base de metade do meu livro Geografia & Videogame, vide link na assinatura) acho que entendo um pouco de como o espaço funciona, daí a vontade de participar não só do roteiro mas do level design também. Ah, e sou um barbudo bem humorado que adora falar merda na internet. :bozo: Só não dá pra entrar antes do ano que vem, justo porque tou enroladasso com a pesquisa.

E algumas ideias pra tu andar tranquilo com isso aí:
3.1, esqueça "apresentar a uma empresa". Grandes patrocinadores são sinônimo de ter gente mandando no seu jogo e deixando ele uma merda, porque "tem que vender e vai ser do meu jeito porque a grana é minha". Pra piorar, grandes patrocinadores no Brasil que entendem de Videogame são mais raros do que fotos do Roberto Carlos usando bermuda. Por outro lado, pequenos patrocinadores são sinônimo de liberdade criativa e paz pra trabalhar. Muitos pequenos patrocinadores são sinônimo de grana. Ou seja, crowdfunding. Precisa é jogar a ideia numa plataforma feito Kickstarter e fazer uma publicidade bacana. Crie um jogo independente, faça trailers maneiros, taca no Steam e seja feliz.

3.2, faz 1 jogo só, em vez de 5. A ideia dos 5 livros é foda toda vida, mas ela não te obriga em nada a fazer um jogo por livro. Basta capitular. Resolve o problema, é uma forma elegante de narrativa e deixa o projeto mais coeso como um todo. Tá ligado como MGS4 é dividido em 5 "acts"? Mais ou menos por aí. Lembrando que muita gente (eu incluso) reclamou quando quebraram MGS5 em dois jogos. Sem contar que ninguém vai querer patrocinar um projetão de 5 jogos num porradão assim. Se depois eu descobrir que o primeiro jogo saiu uma merda, o que acontece com a grana que botei nos outros 4? Joguei fora. Investimento é risco, parceiro, e patrocinadores sabem disso.

3.3, o jogo precisa de um time de criadores competentes e enturmados, não de uma mega equipe de mais de oito mil pessoas. Boto fé que se tiver alguém pra cuidar da arte, do gráfico, do roteiro, do som, da programação, do controle e do level design, isso vai pra frente. E nem precisa ser uma pessoa pra cada coisa: você sozinho já fez bastante coisa de roteiro, arte e parece que saca de programação, eu já me ofereci pra cuidar no mínimo do roteiro e do level design, a pessoa da programação pode ser a mesma do controle, a da arte pode ser a mesma do gráfico, e por aí vai.

3.4, faça em português. Isso é uma questão toda delicada que eu acho que a equipe tem que decidir junta, já que o público brasuca é famoso por não valorizar o que é feito aqui. Mas a real é que não tem nada de épico em fazer em inglês. "Depois da luz" é tão épico e impactante quanto "After light" ou até mais. A sensação que dá é que o jogo tá querendo só parecer épico, tipo gente que bota nick em inglês no fórum "porque fica estáile", ou que na melhor (?) das hipóteses tu só não tá mesmo querendo que os jogadores brasileiros joguem seu jogo, que seu público-alvo é o externo, já que o público externo tem mais gente ou sei lá por quê. Fora que criar uma obra na sua língua materna é muito menos vulnerável a erros de criação e revisão, principalmente no roteiro e história que é um dos maiores focos do jogo.

Se lembrar de mais algo eu edito aqui. :wut:
Imagem
CDX
Maquinista Real
Maquinista Real

Avatar do usuário

Offline
 
Mensagens: 1222
Registrado em: 28/05/2005 (Sábado), às 13h31min
Localização: Serra da Mantiqueira
Cash on hand: 2,423.15 Rupees


Voltar para Trabalhos em Geral

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes